Blog

nome do post Uma lição da Meia de Floripa: a Corrida UNE pessoas Escrito por: adm
Integralização 13 de Junho de 2016

Ontem aconteceu em Florianópolis mais uma edição da Meia de Floripa. Aproveitando a emoção do evento, que contou com as provas de 5 e 10km, além da Meia Maratona (21km), queremos falar sobre como a corrida pode unir pessoas!!!

O dia estava lindíssimo, sem nuvens no céu azul. O local de largada ainda era privilegiado, pois o sol nasce bem pertinho e promove um visual indescritível. Mas o frio estava pegando bastante, antes do sol nascer os termômetros marcavam em torno de 6º. Veja como a Meia Maratona de Floripa uniu pessoas. A corrida tem o poder de unir pessoas! Com isso surge uma grande pergunta: por que alguém se levanta cedo, mas bem cedo (ainda escuro), sem ser obrigado, em pleno domingo gelado, para sair de sua casa e se deslocar até uma prova de corrida de rua (onde estará mais frio ainda que dentro de sua casa)? Pode existir algumas respostas para esta pergunta, mas penso que a razão maior é que a corrida une pessoas! Pense comigo, principalmente você que levantou cedo ontem e foi para a prova (já passou por isso em outras provas), você teria a mesma disposição de fazer isso sozinho? Acho muito difícil!!! Sei que muitas pessoas estavam lá correndo sem ter nenhum conhecido junto, não tem problema, pois o corredor sabe que vai para uma prova e correrá junto de centenas ou talvez milhares de pessoas. Isso motiva, desafia e, ainda, aprendemos lições. Pois, no meio dessa multidão, é fácil ver pessoas com mais dificuldades que nós, então vemos o quanto criamos desculpas e barreiras para não seguirmos em frente, para não nos desenvolvermos (aqui não falo apenas na corrida, falo de modo geral na vida). Isso veio em minha cabeça principalmente por uma aluna que chamou minha atenção para isto ontem, enquanto falava de como tinha sido a corrida dela: "estava subindo a ponte e vi um senhor que tinha dificuldade nos movimentos da corrida, mas ele estava lá fazendo a corrida dele, no meio de todo mundo, daí eu percebi como criamos problemas aonde não existe". Mesmo sem se conhecerem e sem saberem, naquele momento a CORRIDA UNIU OS DOIS, e acredito que ainda deu um gás extra para minha aluna. Outro fato que chamou a atenção ontem, foi um corredor de Manaus, que veio de um clima de 40º, despreparado para o frio. Ele esteve em nossa tenda, nós não o conhecíamos, querendo comprar luva, uma de nossas alunas gentilmente emprestou para ele um par de luvas. Foi uma grande ajuda. Estes foram apenas dois fatos que me chamaram bastante atenção, por tudo que envolvem, mas com certeza aconteceu muito mais coisa boa nessa prova! Aproveitando que estamos falando da corrida unir pessoas, não poderia deixar de falar da Família Integral, pois ontem, essa união e amizade ajudou a esquentar o dia de todos, saber que iria encontrar muitos Integrais foi uma dose extra de motivação. Um puxou o outro, um incentivou o outro e um ficou feliz com a superação do outro. É difícil dizer que é um esporte individual, não é mesmo? Até podemos praticar sozinhos, é até importante seguir as orientações feitas especificamente para você, mas saber que você faz parte de uma família, torna tudo ainda mais gostoso e motivador, faz a gente ir cada vez mais longe, descobrir que muitas vezes os nossos limites são coisas que colocamos em nossa cabeça desnecessariamente!!!

Para fechar, gostaria de perguntar para você: Você vai ficar criando desculpas e barreiras desnecessários ou virá descobrir que pode ir mais cada vez longe?

Escrito pelo Diretor da Integral, Thiago Luiz Alves

Compartilhe:
Comentários